• Gelson Celistre

Ovelha desgarrada (depressão)

Atualizado: 30 de nov.

O sujeito é uma pessoa super ativa, gostava muito da empresa onde trabalhava por vários anos, mas de repente passou a não gostar mais, ficou com raiva da empresa, isso foi piorando, veio a pandemia, ele entrou em depressão, foi afastado da empresa e quando voltou foi demitido. Desde então não procura mais emprego, só quer ficar em casa, está tudo nas costas da esposa, que é quem está mantendo a casa, e os dois estão com dificuldade para dormir. O sujeito também exagera na bebida de vem em quando.

Ele realmente está em depressão, mas a causa não foi nada que tenha acontecido na empresa ou por conta da pandemia. Claro que essa pandemia afetou praticamente todo mundo com um sentimento ruim mesmo, de não termos futuro, de que tudo está um caos e por aí vai, mas essa não foi a causa principal dele ter entrado em depressão, foi um elemento adicional. O problema desse sujeito é que ele é evangélico mas meio que se afastou da igreja, não estava comparecendo como deveria, e foi considerado uma ovelha desgarrada.

E na igreja da qual o sujeito fazia parte os fiéis oram muito pelos irmãos que se desgarraram para que voltem para o rebanho, pois na cabeça deles sem Jesus ninguém é feliz, não pode se sentir realizado, não pode gostar do emprego, em fim, não pode viver. Por esse motivo o nome do sujeito está sempre nas orações da igreja pelas suas ovelhas desgarradas e toda essa energia do povo da igreja orando afeta o sujeito para que ele volte para igreja.

No astral dessas igrejas evangélicas sempre tem vários espíritos de irmãos já falecidos que se acreditam especiais e que foram incumbidos pelo próprio Deus de lhe ajudar em sua obra, pois foram cristãos exemplares e já estão com a chave do céu garantida. Encontramos mais de 80 espíritos de crentes mortos orando junto com os vivos para a ovelha desgarrada voltar ao rebanho, além de um obreiro morto que acompanhava a ovelha desgarrada de perto para que ela se sentisse totalmente sem rumo e retornasse ao rebanho.

Recolhemos todos os espíritos de crentes mortos e os encaminhamos para reencarnação. Quem solicitou o atendimento foi a esposa do sujeito porque ele mesmo não acredita em nada da espiritualidade. Ironicamente era a espiritualidade da religião que ele seguia quem o estava perturbando, os irmãos de além túmulo.

265 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Tabagismo

Baal