top of page

Divórcio energético

Atendemos uma mulher que queria realizar um divórcio energético. Ela já havia feito esse procedimento com uma outra pessoa mas não conseguiu se desvincular emocionalmente do parceiro. Tiveram um relacionamento de cerca de 30 anos com "Muitas e muitas traições, humilhações, ofensas, destratos e opressões." conforme nos disse a mulher. Se separaram, voltaram algumas vezes e recentemente terminaram novamente. O homem seguiu seu caminho se relacionando com outras mulheres, mas a ex-mulher não conseguiu superar essa situação. Para piorar a situação dela o ex-marido ainda mora na mesma casa que ela, por questões financeiras.

Ao sintonizar com a situação logo se apresentou o espírito de uma avó do ex-marido dizendo que ele precisa voltar para a ex-mulher, pois foi ela quem deu um rumo na vida dele, que a ex-mulher é uma boa pessoa e que não gosta das mulheres com quem ele sai agora e que não deixar o neto abandonar a ex-mulher. Primeiro elemento externo influenciando na situação: avó do homem que o induz a voltar para a ex-mulher porque acha que é melhor para a vida dele. Mente da vovó apagada e a encaminhamos para reencarnação.

Mas tinha mais coisa, vimos que havia trabalhos de magia da parte da mãe do homem, ex-sogra da mulher que nos contratou para fazer o divórcio energético. Vejam que situação, no começo do casamento a sogra não gostava da nora e mandou fazer um trabalho para separar o casal. Depois de alguns anos viu que a nora era uma boa pessoa e que o filho com ela estava melhor que antes de se casar e então fez outro trabalho de magia, dessa vez de amarração. Então havia mais dois espíritos envolvidos na separação, um incentivando o casal a se separar e outro incentivando a voltar. Segundo e terceiros elementos externos: dois espíritos de trabalhos de magia com intenções opostas.

Como já expliquei em outras postagens sobre magia e feitiço, o que não te contam quando mandas fazer um trabalho de magia é que tu vais alimentar energeticamente o espírito que vai trabalhar para te ajudar no trabalho, esse espírito vai conviver contigo e com tua família, na tua casa. Então quando os dois se separavam o espírito do trabalho de separação se alimentava da energia dos dois, quando eles voltavam o espírito da amarração é quem os vampirizava, e assim eles iam se revezando. Mente dos dois espíritos apagada e encaminhados para reencarnação. Desmanchamos os dois feitiços e e ainda resgatamos cerca de 600 espíritos de vidas passadas em que esses dois espíritos foram negros escravizados aqui no Brasil.

Quarto elemento externo influenciando a situação: numa vida passada no período colonial do Brasil a mulher foi uma negra escravizada e o ex-marido era o dono da fazenda, que a usava sexualmente e tratava muito mal, como praticamente todos os donos de escravos faziam, e tanto ele quanto ela estavam sintonizados nessa frequência, ela a vendo como uma escrava apenas para sua satisfação sexual, sem lhe dever nenhum tipo de compensação ou respeito, e ela se vendo como naquela vida, sem perspectiva nenhuma e sem sequer cogitar não ceder à vontade do seu dono. Detalhe, na vida atual ela é uma mulher branca e ele um homem negro. Apagamos as mentes dos dois nessa frequência e resgatamos uns 200 espíritos de negros escravizados que ainda estavam presos na fazenda.

Vejam quanta coisa envolvendo um divórcio energético, não basta dizer algum mantra, rasgar o nome dos dois escrito num papel ou balançar um pêndulo, é preciso conhecimento para conseguir identificar todas essas situações e condições energéticas para dar o devido encaminhamento.

Posts Relacionados

Ver tudo

Cura Gay

Commenti


bottom of page