• Gelson Celistre

A bruxa ucraniana (enxaqueca e tricotilomania)

(Publicado originalmente no blog Apometria Universalista em 6/5/2022)


Atendimento de uma mulher que relata ter "... problemas emocionais, crise de ansiedade, pânico e fortes enxaquecas. Faço acompanhamento com medicação. Porém somente isso não está resolvendo, sinto que preciso conciliar as duas coisas. Já tentei ajuda na umbanda pra me ajudar.. Parece que resolve, mas apos 3 dias tudo volta. Na infância ocorreu muitos abusos sexuais por parte de família.. avô, tio, estranhos também.. aguentei tudo calada pq ninguém acreditava." Ela também sofre de tricotilomania (arranca os próprios cabelos) desde a adolescência, hoje tem mais de 30 anos, e ela tem um filho que é autista não verbal, ele não fala.

Por esta breve descrição pode-se observar que ela tem um quadro bastante complexo e de fato nos deparamos com uma intrincada trama de vidas passadas envolvendo ela e o filho. Esta mulher é um espírito que foi envolvido com magia em muitas vidas passadas desde a Antiguidade, mas tudo começou a dar errado na Idade Média, quando ela teve uma vida onde foi uma bruxa ucraniana.

Nessa vida dela de bruxa onde hoje é a Ucrânia havia um reino na região com um soberano que se envolveu com a cunhada, que engravidou e teria um filho bastardo desse rei. Para não lhe gerar problemas na sucessão da coroa, ele contratou a bruxa para resolver o problema. A bruxa fez um feitiço e a criança morreu logo após o parto.

Acontece que essa bruxa tinha um rapaz que era seu assistente e ele contou para a rainha que a bruxa é quem tinha provocado a morte da criança por ser um bastardo do rei, e a rainha ficou possuída de ódio porque a criança que morreu era de sua irmã, ou seja, ficou sabendo que o filho da irmã era de seu marido. A rainha matou pessoalmente a irmã e a bruxa foi condenada a morrer queimada numa fogueira, juntamente com seu assistente.

A bruxa foi presa e enquanto era levada para a fogueira praguejou e amaldiçoou a todos naquele reino, inclusive seu assistente linguarudo. Para o assistente ela rogou uma maldição antes de morrer de que ele nunca mais falaria, e de fato desde então ele teve várias encarnações e em nenhuma delas ele conseguia falar, inclusive na vida atual, pois aquele assistente que ela amaldiçoou para nunca mais falar é o filho autista dela na vida atual que não fala.

No feitiço que ela fez apenas praguejando verbalmente e usando a força de sua mente, ela costurou os lábios dele junto com a língua no corpo astral dele e estava assim até o presente, séculos depois, sem dúvida uma arquepadia muito forte. Uma curiosidade é que naquela vida o assistente também era filho dela, mas ele não sabia pois não foi criado por ela.

Apesar de já ter sido filho dela eles eram inimigos de várias vidas e na vida atual, antes dele nascer, ele estava no astral obsidiando essa mulher que atendemos, e foi justamente na adolescência dela que ela sentiu a presença dele no astral e teve um vislumbre inconsciente daquela vida passada e do poder que ela tinha, por isso ela passou a arrancar os próprios cabelos, pois queria voltar a ser aquela bruxa poderosa, que era careca.

Na mente dela se ficasse careca voltaria a ter o poder que teve e ela só morreu porque foi pega de surpresa, pois ela era forte mesmo conseguia inclusive mover objetos com a força da mente. Mas o mais incrível em relação aos poderes dessa bruxa, coisa que eu só vi acontecer uma ou duas vezes em quase 20 anos trabalhando com apometria, é que ela conseguia fazer um procedimento que pouquíssimos bruxos e magos são capazes de fazer e que no ocultismo chamam de avatar, que é você trocar de corpo, o espírito dela era capaz de se projetar do corpo, expulsar outro espírito do próprio corpo e tomar seu lugar.

Tecnicamente esse procedimento é uma transmigração de alma. Quem já ouviu falar de Lobsang Rampa, que escreveu o livro A terceira visão, sabe que ele afirmou ter feito isso quando era um monge tibetano que estava para morrer e passou a habitar o corpo de um inglês. Mas enfim, é um procedimento que poucos iniciados conhecem e tem condições de fazer e nossa equipe espiritual nos informou que a bruxa ucraniana fez isso em várias vidas durante séculos, inclusive ela não morreu na fogueira naquela vida, apenas seu corpo, pois antes de morrer ela ocupou o corpo de uma outra pessoa e continuou vivendo com aquela mesma personalidade.

Segundo nos informou nossa equipe ela costumava trocar de corpo 7 vezes até ter que voltar para o astral e depois reencarnar novamente e fez isso várias vezes, durante muitos séculos. Mas apesar disso, o boleto sempre vence e o boleto kármico dela venceu, ela não pagou e o resultado é a vida atual com todos os problemas que ela relatou.

Essa frequência da consulente está aberta desde a adolescência dela, mas sem o poder que teve antes e provavelmente continuaria desse jeito até morrer, mas no início de março meu grupo de apometria fez um atendimento para resgate de espíritos na guerra entre a Ucrânia e a Rússia e a bruxa que estava lá desdobrada nos viu e reconheceu duas das médiuns que foram bruxas com quem ela aprendeu muitos feitiços em vidas passadas, por isso quando eu disponibilizei os atendimentos fraternos no mês passado (essa mulher foi a primeira sorteada) ela induziu sua personalidade encarnada, que é a mulher que atendemos, a solicitar ajuda, pois achou que as duas bruxas que são minhas médiuns lhe ajudariam a recuperar seus poderes.

É claro que isso não aconteceu, nós apagamos a mente da bruxa e fechamos essa frequência dela. Quanto ao seu filho, ele nesses séculos que se passaram procurou se aperfeiçoar na magia para poder derrotar a bruxa, mas não conseguiu ainda desfazer o feitiço para ele não falar. Acabou nascendo como filho dela por a estar obsidiando. Esse menino estava com 45 frequências abertas, todas ligadas a bruxaria, e fechamos todas. Também desfizemos o feitiço que a bruxa fez onde costurou a boca e a língua dele.

Para finalizar resgatamos mais de 200 espíritos que a bruxa mantinha presos no astral. Eram os espíritos de pessoas que em vidas passadas ela já fez o avatar, os expulsou do corpo para viver em seu lugar. Essa é a história de uma bruxa ucraniana.

28 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Tabagismo

Baal