top of page
  • Gelson Celistre

Psoríase - Causas kármicas

(Publicado originalmente no blog Apometria Universalista em 29/9/2021)


As doenças são formas de resgatarmos nossos karmas e estão relacionadas ao tipo de mal que causamos a outras pessoas ou a nós mesmos. Por exemplo, uma pessoa que é fumante e prejudica o próprio organismo, os pulmões, numa vida seguinte vai ter alguma doença respiratória como asma, bronquite, pneumonia, etc. No caso das doenças de pele como a psoríase elas geralmente estão associadas a queimaduras e outros danos que a pessoa provocou na pele em outras pessoas.

No caso de um rapaz com psoríase que atendemos algumas vezes vimos que numa vida passada ele fez uma esposa dele andar em brasas por conta de um acusação de traição, em outra vida mandou matar muitas pessoas que estavam com varíola, inclusive familiares como a própria mãe, irmã e tios, e em outra em que foi padre matou queimadas na fogueira, a mando de um bispo, muitas pessoas acusadas de heresia, isso antes do período da Inquisição.

Num outro caso atendemos uma mulher que sofre de psoríase por ter sido um guerreiro nativo norte-americano que gostava de escalpelar os inimigos. Em outra vida ela foi uma sinhá que marcava os escravos a ferro para não serem confundidos com os de outras fazendas caso fugissem. Numa outra vida foi uma cientista que fazia experimentos com ácido na pele das pessoas, chegando a usar o próprio filho como cobaia. Nesses casos além do karma gerado pelo ato em si, é comum essas pessoas estarem sendo obsidiadas por alguma das pessoas que foram afetadas por elas nas vidas onde geraram o karma da psoríase, e em muitos casos estão desdobradas e sintonizadas nessas frequências ainda fazendo mal a espíritos no astral, situações que potencializam as crises da doença aqui no físico. Num caso recente onde atendemos uma outra mulher com esse problema de psoríase ela estava com um obsessor, um homem que foi seu filho numa vida passada. O filho foi criado com todo o conforto que ela e o marido puderam dar, o rapaz cresceu e não queria trabalhar, queria continuar recebendo tudo dos pais, dizia que não pediu para nascer, até que um dia ela se incomodou e derramou uma panela com óleo quente na cabeça dele, que ficou com a cabeça queimada em carne viva e os olhos queimaram e ele ficou cego.

Três semanas depois do atendimento ela teve outra crise e no atendimento vimos que numa outra vida passada ela envenenou e matou uma irmã para se casar com o cunhado, e o corpo da irmã ela levou para um bosque e jogou água quente no rosto para que não pudesse ser identificada, caso a encontrassem antes que os animais a devorassem. Também observamos que por ser uma doença de origem kármica quando se manifesta a pessoa já está conectada com mais de uma vida passada onde provocou um mal a outras pessoas, ou seja, está com obsessores e frequências abertas de mais de uma vida, o que demanda mais de um atendimento para estabilizar a doença de forma a minimizar o impacto na vida atual. Por estes casos já podemos ter uma boa ideia das causas kármicas da psoríase, que é uma doença sem cura, mas que pode ser aliviada com a retirada de obsessores, o fechamento de frequências e o resgate dos espíritos envolvidos, melhorando assim a qualidade de vida da pessoa que sofre com essa doença.

12 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page